Síndrome de Burnout: O que é?

Já ouviu falar sobre os males originados pelo excesso de trabalho? São muitos problemas que podem surgir ao tentar ultrapassar os limites mentais e corporais. Descubra hoje o que é Síndrome de Burnout e como isso pode interferir em sua capacidade para trabalhar.  

Exaustão, desânimo e estresse extremos podem significar mais do que uma semana complicada. Veja mais sobre a Síndrome de Burnout, que surge com longas jornadas de serviço sem repouso.

O que é Síndrome de Burnout?

Burnout pode ser traduzido como “queimar-se completamente”. Ou seja, é oferecer toda a capacidade física e mental a ponto de sofrer com um esgotamento intenso vindo da profissão. Esse mal afeta a mais pessoas do que se imagina, atingindo 30% dos trabalhadores no Brasil.

Uma das características muito comuns é o exagero de bebidas estimulantes. Para continuar ativa no trabalho, a pessoa utiliza grandes doses de refrigerantes, energéticos e café. Assim, ela pode enganar o organismo para que ele fique alerta. Porém, essa tática acaba prejudicando o corpo em longo prazo.

Além de prejudicar a saúde, a Síndrome de Burnout afeta à produtividade. Logo, todo o esforço feito para continuar trabalhando ocasiona tarefas mal feitas e um cansaço extremo. Um caso ainda mais grave é que essa dificuldade acaba levando o trabalhador à depressão.

Por isso, seria muito melhor separar um tempo para dormir bem e repousar. Assim, com mais vigor e disposição, poder terminar as atividades pendentes. Esse detalhe faz toda a diferença e ajuda para que a pessoa consiga render mais em seu cargo, sem precisar esgotar toda a sua energia.

Quais são os sintomas da Síndrome de Burnout?

Identificar a Síndrome de Burnout não é difícil. Confira os sinais desse problema devido ao esgotamento laboral:

  • Apatia;
  • Insônia;
  • Fadiga;
  • Pele ressecada;
  • Tensão muscular;
  • Mau humor;
  • Problemas gástricos;
  • Pessimismo;
  • Grande queda de produtividade;
  • Problemas de relacionamento no trabalho.

Todos esses sintomas mostram as consequências de um esgotamento no ambiente de trabalho. Por isso, é necessário buscar o tratamento o quanto antes.

Qual o tratamento para a Síndrome de Burnout?

Ao saber o que é Síndrome de Burnout e os seus sintomas, ainda resta uma dúvida: como tratar essa adversidade? Se o motivo do problema é um caso de exaustão, resolvê-lo é simples, basta permanecer algum tempo em descanso.

Para isso, o paciente pode ficar de férias ou pedir afastamento por um período determinado. Essas medidas podem ajudam a solucionar a questão. Porém, caso o cargo exija muito mais do que o suportado pelo trabalhador, a melhor opção é buscar outro ramo ou empresa.

Caso desconfie que esteja passando por essa síndrome, converse com um especialista em saúde. Apenas o médico poderá prescrever soluções como terapia cognitiva ou medicamentos, caso seja necessário. Nesse caso, são muito utilizados os antidepressivos para que o colaborador supere essa dificuldade.

Uma alternativa 100% natural para aliviar a Síndrome de Burnout são os suplementos naturais contra o estresse. Antes de partir para os remédios controlados, experimente essa opção. Eles são regulamentados pela ANVISA, não causam dependência e nem efeitos adversos. Conheça mais sobre os suplementos naturais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *